News

  • Nota Informativa

    Nota Informativa

    O IACS – Instituto Adventista Cruzeiro do Sul alerta para tentativas de fraude utilizando o nome da instituição, nas quais são solicitados pagamentos de valores referentes a “internação”, “recolhimento” ou “tratamento” de menores que supostamente seriam alunos ou internos da instituição. Normalmente, os supostos alunos indicados pelos golpistas não possuem qualquer vínculo com o IACS. O IACS salienta que é uma instituição de ensino regular, com finalidade precipuamente educacional; e que nenhum contato é realizado junto a pessoas que não tenham vínculo familiar com os alunos da instituição.

     

    O IACS orienta, ainda, que em caso de recebimento de algum contato suspeito ou que apresente indícios de fraude, as informações devem ser verificadas junto à instituição, por meio do telefone (51) 35416800; e que nenhum depósito ou pagamento deve ser feito antes de apurada a veracidade das informações e efetiva comprovação do vínculo com a instituição de ensino.

  • Isolamento Social: Como ter uma saúde mental equilibrada?

    Isolamento Social: Como ter uma saúde mental equilibrada?

    2020 tinha tudo para ser “o ano”. Sem dúvidas, muitos planos, sonhos, projetos tinham tudo para ser um sucesso. Mas,  muitas coisas estão fora do controle de qualquer um e a partir do momento em que a Organização Mundial de Saúde (OMS) decretou oficialmente a pandemia decorrente do novo coronavírus – COVID-19,  a vida e rotina de milhões de pessoas foram drasticamente afetadas. Estar em confinamento em casa e com a mudança repentina dos hábitos diários, tem apresentado a alguns, certos tipos de desequilíbrio emocional.

    Sentimentos de angústia, medo, incerteza, e insegurança, faz com que muitas pessoas apresentem sintomas de ansiedade, e o distanciamento social contribui para o agravamento de quadros depressivos. Por isso, é muito importante se cuidar para manter uma saúde emocional equilibrada neste momento de crise. Confira algumas dicas que podem ajudar:

    1. Mantenha uma rotina: Pode parecer simples, mas a rotina é uma forma de você conseguir uma organização mental. Estabeleça horários de trabalho, pausas, refeições, horários para se exercitar e não se esqueça de criar momentos de lazer e de descanso. Isso faz com que o cérebro entenda que, apesar do isolamento, você tem tarefas a serem concluídas.
    2. Cuidado com o excesso de informações: A tecnologia que está a nossa disposição pode ou não ser um aliado nesse momento delicado em que vivemos. Falar em pandemia assusta e é normal ficar apreensivo com uma situação nova para o mundo. Cuidado com o bombardeio de notícias sobre o assunto.
    3.  Cuide-se: Não é segredo que para viver bem são necessários alguns cuidados diários, vamos descobrir quais são?
      1.  Um deles é a respiração. Sim, respirar fundo várias vezes ao dia ajuda a manter-se calmo.
      2.  Faça refeições saudáveis ​​e equilibradas. Estar em quarentena não significa que você pode comer tudo que quiser a hora que quiser, tenha cuidado ao escolher alimentos saudáveis que aumente sua imunidade e procure comer em horários fixos todos os dias.
      3. Exercitar-se regularmente (dentro da sua casa, claro) há vários vídeos nas redes sociais para iniciantes que podem colaborar para manter uma vida ativa!
      4. E por último, mas não menos importante: Durma bem. Ficar assistindo séries e filmes até altas horas podem prejudicar seu sono. Procure dormir mais cedo.
    4.  Converse com a família e amigos: Mesmo que não seja possível visitar a família e os amigos manter o contato com outras pessoas é fundamental. Procure ligar para os mais próximos, conversar por aplicativos de mensagens ou até mesmo por vídeo-chamada. Neste momento, é muito importante conferir se todos estão bem, trocar experiências e oferecer apoio para quem precisa. E, de quebra, receber um pouco de suporte emocional também. Manter contato nos faz sentir menos sozinhos.

    A saúde mental tem ligação direta com a nossa imunidade. Doenças como depressão e ansiedade podem afetar o nosso sistema imunológico e diminuem a defesa natural que temos em nosso organismo e assim podemos ficar mais suscetíveis a doenças. E se mesmo seguindo essas dicas você ainda se sentir triste, angustiado ou ansioso procure alguém de confiança para conversar ou um profissional que possa te ajudar. E lembre-se: todas as crises são passageiras! Muito em breve a rotina escolar vai voltar e tudo irá se normalizar!

  • Qual o sentido da Páscoa?

    Qual o sentido da Páscoa?

    Quando pensamos em Páscoa, o que vem a sua mente?

    Todo mundo conhece a Páscoa como aquele dia em que nos reunimos em família para se confraternizar e comer bastante chocolate, que, é sem dúvidas é um item básico para complementar um momento em família. Costuma-se presentear amigos e familiares (principalmente as crianças) com ovos de chocolate durante a Páscoa, mas esta data é muito mais que isso, tem a ver com a entrega do Senhor Jesus, a troca que ele fez ao redimir todos os nossos pecados. É perdão por inteiro, sem vestígios de um passado. É recomeço! O recomeço de uma vida melhor e plena no amor de Deus.

    O nome Páscoa é de origem hebraica, da palavra Pessach que significa “passagem”, e leva esse nome pois antes de ser a festa da ressurreição, marcava o final do inverno e a chegada da primavera.

    Para os cristãos, a Páscoa simboliza a ressurreição de Cristo três dias após a sua morte na cruz e por isso é considerada um fundamento da fé cristã. Alguns elementos compõem essa data:

    • Cruz: simboliza a vitória de Jesus sobre a morte.
    • Pão e vinho: representa a vida eterna de Jesus. (em sua última ceia, Jesus ofereceu pão e vinho aos discípulos enfatizando que o pão era o seu corpo e o vinho era o seu sangue).
    • Cordeiro: simboliza Jesus Cristo por ter se sacrificado em prol do seu rebanho.

    Páscoa é um período para agradecermos a Jesus pelo sacrifício e também para pensar em todos os nossos atos e renovar os votos perante a Deus para sermos cada vez melhores e dignos desse ato tão nobre para nos libertar e nos dar a vida.

    Que sua Páscoa possa ser doce com chocolate e mais doce ainda por aceitar um amor inigualável de Jesus por cada um de nós!

    Boa Páscoa!

  • Crianças em quarentena

    Período pode servir para reforçar laços familiares com atividades lúdicas

    Acostumados a gastar energia na escola, jogando bola com os amigos, nos brinquedos do condomínio, as crianças ficam estressados depois de longos períodos sem sair de casa. Mas os pais podem aproveitar esse período de quarentena devido a pandemia do Covid-19, para reforçar laços familiares e realizar várias atividades que incentivem a coordenação motora e criatividade das crianças. O equilíbrio entre lazer e rotina precisam ser preservados. Manter a rotina com horários para dormir, acordar e estudar ajuda a tranquilizar as crianças, além de serem aliados na manutenção da convivência em casa, que, para muitos, tornou-se também escritório nas últimas semanas. Para diminuir o tédio no tempo livre, listamos algumas atividades fáceis, econômicas e divertidas que podem ser feitas durante o período.

     

    1. Cabaninha: Uma boa opção para os momentos livres é montar uma cabana.  Na sala, no quarto ou do lado de fora de casa, com cobertores, lençóis, cangas, tapetes, almofadas, sofá, cadeiras, bancos, mesinhas, prendedores de roupas. Construa também castelo, forte, toca do coelho, deixem a imaginação fluir nesse momento.
    2. Culinária:  Preparar comida em família é uma atividade prazerosa e muito útil. Além do preparo, todos podem colaborar colocando a mesa e lavando a louça. Os pequenos adoram ajudar com a louça, mexer na água e fazer espuma, lavar verduras, temperar saladas, fazer um recheio de bolo! Este momento pode ser muito prazeroso e divertido!
    3. Dar banho nos bichinhos: Que tal aproveitar para lavar os bichinhos de pelúcia? Atividade refrescante e que dura a tarde toda! Use sabão de coco ou sabão neutro. Pode-se aproveitar para lavar outros brinquedos e aproveitar para ensinar a importância dos hábitos de higiene.
    4. Bolha de sabão: Faça a mistura simples de água com detergente e use o ingrediente secreto: uma colher de glicerina, que garante que a bolha não estoure na hora. Você pode reutilizar embalagens antigas ou usar uma tampa e arame. Mas vale lembrar que essa atividade precisa de um adulto para acompanhar!
    5. Mãos na massa: Quem não gosta de brincar de massinha? O melhor dela é que pode ser feita em casa. Você só vai precisar de uma xícara de sal, quatro de farinha de trigo, uma xícara e meia de água, três colheres de sopa de óleo e corantes alimentícios das cores que preferir. Depois, é só misturar tudo e, literalmente, colocar as mãos na massa!
    6. Quebra-cabeça: Jogos de quebra-cabeça existem para todas as idades. Há aqueles com baixo nível de complexidade e aqueles bem difíceis, com muitas peças, A atividade é de lazer, mas também melhora o raciocínio, a coordenação motora, a memória, a interação social e a capacidade de percepção. Escolha um quebra-cabeça condizente com a idade do seu filho ou até o desafie para tentar montar um mais complexo com a ajuda deles, que depois poderá ficar na parede como uma lembrança boa desse momento de descontração.
    7. Hora do conto: Invista no incentivo à leitura, aproveite para estimular a imaginação através de histórias educativas em livros bem coloridos!
  • Governo gaúcho prorroga suspensão de aulas

    Medida será válida para escolas e universidades das redes pública e particular.

    Inicialmente prevista até a próxima sexta-feira (3), a suspensão das aulas no Rio Grande do Sul por conta da pandemia de coronavírus foi estendida até o dia 30 de abril. O anúncio foi feito pelo governador Eduardo Leite, durante transmissão diária pela internet, no início da tarde desta terça-feira (31).

    A medida é válida para todas as instituições de ensino do Rio Grande do Sul, como escolas estaduais, municipais e universidades, públicas e particulares. A medida será publicada por meio de decreto no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira.

    Para evitar que os alunos do Instituto Adventista Cruzeiro do Sul, IACS,  sejam prejudicados a  metodologia das aulas programadas, envolvendo diversos recursos pedagógicos e tecnológicos os quais a escola dispõem, como plataforma digitail e aplicativo continuam em validação, com o estudo EAD.

    Fonte: https://estado.rs.gov.br/

  • Comunicado Pais e Responsáveis

    Fique atento ao app do IACS!

    Estimados Pais e Responsáveis

    Por favor, fiquem atentos ao aplicativo do colégio para comunicação, orientação, bem como para questões pedagógicas. Caso ainda não tenha acessado o aplicativo, faça – o quanto antes por meio das orientações enviadas por e-mail no dia 17/02/20.

    Se por ventura não encontrar o e-mail de orientação acima citado, verifique sua caixa de SPAM. Verificando o não recebimento, acesse: gg.gg/appiacs e preencha o formulário.

    Em caso de dúvida contactar, por telefone, a secretária do colégio.

    Alertamos sobre a importância do acesso ao Aplicativo IACS, uma vez que todas as orientações e direcionamentos serão disponibilizados através dessa ferramenta.

    Atenciosamente

    IACS.

  • Vantagens do EAD

    Vantagens do EAD

    Quais as vantagens de um estudo EAD?

    Tendo em vista todo panorama mundial, as aulas à distância tem sido uma boa opção para a continuidade do ano letivo. Por isso selecionamos algumas vantagens de um estudo de educação à distância (EAD). E para colocar em prática ainda mais suas habilidades de proatividade, autonomia, maturidade virtual, disciplina entre outros, nada melhor que o EAD. Que você mergulhe nessa experiência e tire proveito para o conhecimento de toda a tecnologia a disposição! Evolua e inove, seja a melhor versão de si mesmo! Confira algumas das vantagens desta modalidade de ensino:

    Comodidade: Com o ensino a distância, é o aluno quem escolhe quando e onde estudar. Os conteúdos ficam disponíveis, via Internet, 24 horas por dia. E você ainda pode revisar a matérias quantas vezes forem necessárias.

    Comprometimento com o próprio aprendizado: A capacidade de definir o próprio cronograma e obter bons resultados depende de disciplina. No que diz respeito à rotina de estudos, o EAD exercita a autonomia de cada aluno, uma vez que seu progresso depende exclusivamente do próprio esforço.

    Responsabilidade para lidar com o ambiente virtual: Com o fácil acesso as informações que circulam na web, vários livros e publicações podem ser acessadas com um click, com isso, usufruir desses materiais de forma respeitosa e produtiva colabora para a maturidade em saber usar esse tipo de recurso a seu favor e também a oportunidade de inovar em vários aspectos como disciplina, concentração, autonomia e criatividade para fazer os estudos renderem.

    Automotivação para realizar tarefas: Eis um dos pontos mais importantes da educação à distância. A motivação! A capacidade de se superar em meio a tanta comodidade da sua casa! Então, coloque um objetivo para seus estudos sendo vestibular ou conhecimento. Mas, com altos e baixos no dia a dia, qual é o papel da automotivação nessa jornada de estudos a distância? É a sua capacidade de se motivar que faz você continuar caminhando sem perder o rumo e sem esquecer de seus objetivos.

    Concentração para não perder o foco: Para garantir uma boa performance, você deve exercitar sua cincentração. Isto é, ser capaz de ficar atento por longos períodos assistindo às aulas online. E só na prática isso será possível. Então quando perceber que não se mantem concentrado por muito tempo, que seu foco está se desviando para outras atividades, se concentre na atividade proposta e aos poucos as habilidades de foco acontecerão.

    Pedagogia Inovadora: Graças às novas tecnologias de comunicação, os alunos têm a oportunidade de usufruir de uma série de ferramentas de apoio à aprendizagem e podem interagir com o professor, colegas e tutores por meio de fóruns, chats, videoconferências, simulações e exercícios online. Por isso, são criadas novas formas de apresentação e interação que facilitam a aprendizagem de forma lúdica e eficaz, prendendo a atenção do estudante.

    Agora é com você! Dedique-se aos estudos neste período domiciliar e aproveite a tecnologia a seu favor com responsabilidade! Bom estudos!

  • Isolamento Social: Dicas de organização para estudar em casa

    Devido a pandemia do COVID-19, muitas medidas foram tomadas para controlar a disseminação do Coronavírus, que já atinge a contaminação comunitária, ou seja, quando não é possível identificar a origem do contágio. A situação reforça a necessidade de atender aos cuidados necessários para não contaminação, entre elas o isolamento social.

    Mas por que não aproveitar o período distante das atividades rotineiras para se dedicar ainda mais aos estudos?

    Veja algumas dicas para ajudar durante o período de estudo domiciliar:

    1 – Organização: mantenha um ambiente limpo e organizado. E muito importante para a concentração, além de exercitar a disciplina.

    2 – Metas: estabeleça metas de estudos por tópicos e de acordo com as matérias estudadas. Um bom planejamento é fundamental para a compreensão das matérias estudadas.

    3 – Evite redes sociais: não é novidade que o uso das redes sociais atrapalha a rotina de estudos e estando dentro de casa o cuidado deve ser redobrado. Evite estar conectado as redes, se possível. Se não houver como, exercite a concentração no estudo.

    4 – Iluminação: um local bem iluminado garante que o cérebro estará atento e evitará que você caia na sonolência, além disso facilita a leitura do conteúdo e automaticamente ajudará na fixação;

    5 – Alimentação: é de conhecimento de todos que uma alimentação leve e equilibrada é essencial para a manutenção das atividades biológicas e metabólicas do nosso organismo. Evite alimentos como frituras, com muito açúcar, estimulantes. Prefira frutas, verduras, água fresca.

    6 – Repouso: o descanso é primordial para que todas as horas de estudos sejam realmente aproveitadas. Por isso, aposte em noites de sono bem dormidas e, também, em pequenos intervalos entre a rotina de preparação.

    Aproveite o tempo em casa para se conectar com a sua família, com Deus e bons estudos! Há, e não esqueça de lavar as mãos e manter todo o cuidado neste período.

    Texto adaptado: Direção Concursos.

  • Covid-19: saiba a diferença entre quarentena e isolamento

    Em meio à pandemia do novo coronavírus pelo mundo, uma das grandes dúvidas está na diferença entre quarentena e isolamento. De acordo com a Portaria nº 356/3020 do Ministério da Saúde, a quarentena tem como objetivo garantir a manutenção dos serviços de saúde em local certo ou determinado.

    A medida é um ato administrativo, estabelecido pelas secretarias de Saúde dos estados e municípios ou do ministro da Saúde e quem determina o tempo são essas autoridades. “A medida é adotada pelo prazo de até 40 dias, podendo se estender pelo tempo necessário”, diz o documento.

    Isolamento

    Já o isolamento serve para separar pessoas sintomáticas ou assintomáticas, em investigação clínica e laboratorial, de maneira a evitar a propagação da infecção e transmissão. Neste caso, é utilizado o isolamento em ambiente domiciliar, podendo ser feito em hospitais públicos ou privados.

    Ainda segundo a norma do Ministério da Saúde, o isolamento é feito por um prazo de 14 dias – tempo em que o vírus leva para se manifestar no corpo – podendo ser estendido, dependendo do resultado dos exames laboratoriais.

    Casos suspeitos que estão sendo investigados também devem ficar em isolamento. Se o exame der negativo, a pessoa é liberada da precaução.

    “O isolamento não é obrigatório, não vai ter ninguém controlando as ações das pessoas. Ele é um ato de civilidade para a proteção das outras pessoas”, orientou o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson de Oliveira. Já a quarentena, segundo o Ministério da Saúde, é uma medida obrigatória, restritiva para o trânsito de pessoas, que busca diminuir a velocidade de transmissão do novo coronavírus. Ambas são medidas de saúde pública consideradas fundamentais para o enfrentamento da pandemia COVID-19.

    Viagem

    Desde 13 de março, o Ministério da Saúde incluiu todos os viajantes internacionais na lista de pessoas que devem ficar isoladas. Ao retornarem, eles precisam permanecer em casa por sete dias. Se febre com tosse e falta de ar surgirem, a recomendação é procurar uma unidade de saúde. Se a pessoa manifestar apenas tosse, ou coriza, ou mal-estar, ou febre, uma opção é ligar para o 136 para que uma equipe de saúde passe as devidas orientações.

    Higiene

    Para evitar a disseminação do vírus, o Ministério da Saúde recomenda medidas básicas de higiene, como evitar tocar olhos, nariz e boca sem que as mãos estejam limpas. Lavar as mãos com água e sabão, utilizar lenço descartável para higiene nasal, cobrir o nariz e a boca com um lenço de papel quando espirrar ou tossir e jogá-lo no lixo.

    Fonte: https://agenciabrasil.ebc.com.br/saude/noticia/2020-03/covid-19-saiba-diferenca-entre-quarentena-e-isolamento

  • Carta aos profissionais de saúde

    Carta aos profissionais de saúde

    Caros amigos,

    O mundo passa por um momento de muita apreensão e medo. No Brasil, não podia ser diferente. Estamos enfrentando uma guerra contra a qual não temos armas adequadas, não temos estratégias próprias, nem guerreiros treinados para enfrentá-la. Estamos às escuras, vivendo cada dia sem saber o que poderá acontecer no dia seguinte… Estamos em trevas…

    É hora de união e de oração. Alguém disse com muito propriedade: “Estamos vivendo uma tormenta não querida por Deus, mas por Ele permitida.” Grande verdade! Não sabemos o porquê desta desventura.
    Cabe-nos orar e fazer o necessário para nossa proteção e daqueles que nos rodeiam.

    Em momentos como esse, envolvendo a saúde e a vida de todos, um grupo se destaca. Não por dinheiro, não por poderes, não por qualquer recompensa… Não! Destaca-se pelo amor, pela coragem, pelo desprendimento. Destaca-se por colocar a sua vida em risco para salvar outros. Estamos falando dos profissionais da saúde!

    É recomendável ficar em casa? Não para eles. A casa deles são os hospitais, as clínicas, os postos de saúde, enfim, qualquer lugar onde possa haver um doente… Ali serão encontrados a postos…

    Você tem que se resguardar? Não se aproximar das pessoas? Quem, então, estará ao lado daqueles que precisam de ajuda, de atenção, de cuidados? Esses anjos, normalmente vestidos de branco, que ali estão segurando, embalando, sustendo nos braços aqueles que necessitam de socorro.

    Nem sempre dormem o suficiente… Nem sempre comem na hora certa…. Por vezes, sequer têm tempo para comer ou dormir. Família? Muitas vezes fica em segundo plano… Os doentes têm a primazia….

    Benditos sejam, vocês, profissionais de saúde! Porque vocês existem e cumprem, com dedicação, o dever que Deus lhes deu. Muitas vidas serão salvas, neste turbilhão que envolveu o mundo por esses dias. Porque vocês existem e amam o próximo, talvez mais do que a si mesmos, muitas famílias não precisarão chorar a perda de um ente querido. Muitas crianças não ficarão órfãs, muitos pais não serão desfilhados… Por causa do seu trabalho, a tormenta não será pior, e o vale da sombra da morte será trilhado com menos amargura.

    Caros profissionais da saúde, médicos, enfermeiros, assistentes e todos mais que se dedicam a salvar vidas, o Instituto Adventista Cruzeiro do Sul lhes estende os mais carinhosos agradecimentos por tudo o que já estão fazendo e por tudo que ainda farão nessa incógnita que tomou conta do nosso viver. Que Deus os recompense por todo o esforço, dando-lhes ricas bênçãos e a proteção tão necessária no trabalho que exercem.

    Saibam que oraremos por vocês. Saibam que rogaremos a Deus que envie os Seus anjos, vindos dos Céus, para protegerem os nossos anjos terrenos, Vocês! Contem conosco se pudermos ser úteis em alguma coisa.

    Com muito afeto e gratidão,

     

    Instituto Adventista Cruzeiro do Sul

Pular para a barra de ferramentas